Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

HISTORIAR N

«Para suportar a sua própria história, cada um acrescenta-lhe um pouco de lenda.» Marcel Jouhandeau

HISTORIAR N

«Para suportar a sua própria história, cada um acrescenta-lhe um pouco de lenda.» Marcel Jouhandeau

EFEMÉRIDE

No dia 3 de Dezembro de 1930, nasceu em Paris Jean - Luc Godard, cineasta Francês pioneiro da Nouvelle Vague - movimento experimentalista , surgido em França nos anos 60.

O EXÉRCITO ROMANO

 

 
Em toda a história da Humanidade não houve um único império que não se apoiasse num qualquer tipo de superioridade militar. No número , na organização ou na maior eficácia do seu armamento. O domínio territorial obtinha-se pela força e pela astúcia. Assim foi também com o Império Romano.
À medida que a conquista avançava mais organizado se tornava um exército, endurecido pelas viórias contra Etruscos, Gregos e Cartagineses ,e  mais engenhosas eram suas as máquinas e tácticas de guerra.
Constituído por recrutas, mas também por escravos e mercenários, o exército romano era composto por várias legiões que se distribuiam por todas as regiões do império.
   
Cada legião integrava entre 3000 e 6000 legionários. Estavam divididas em centúrias, (grupo de 80 e não 100 soldados), sendo cada uma delas comandada por um centurião.
O Gládio e o pilo, eram as armas mais comuns entre os legionários, que se protegiam com um escudo rectangular, um elmo e ainda uma espécie de pequena armadura de metal e couro, a lórica segmentata.
Em terra os soldados distribuiam- se por três ramos: a Infantaria era o mais numeroso, a cavalaria , o ramo nobre do exército, estava reservada aos oficiais.
Depois havia ainda a artilharia pesada, as catapultas, os aríetes as torres de guerra.
Nos mares reinavam as galeras , pesadas, mas velozes, embarcações de duas velas , movidas por escravos que remavam compassadamente ao som dos tambores.
Mas, se o número e o equipamento foram factores importantes para o êxito militar dos romanos, foram sobretudo a organização, a estratégia e as tácticas militares utilizadas, que tornaram o seu exército numa imparável máquina de guerra, ainda hoje imitada.
 
Vê como era…
 

Excerto do Filme " O Gladiador "

EFEMÉRIDE

No dia 1º de Dezembro de 1640, foi restaurada a Independência de Portugal, após 60 anos de domínio Espanhol (Filipino).

A aclamação de D. João IV deu início a uma nova Dinastia. A Dinastia de Bragança.

Pág. 9/9