Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

HISTORIAR N

«Para suportar a sua própria história, cada um acrescenta-lhe um pouco de lenda.» Marcel Jouhandeau

HISTORIAR N

«Para suportar a sua própria história, cada um acrescenta-lhe um pouco de lenda.» Marcel Jouhandeau

sabias que...

Sexta-feira dia 13 e os " CavaleirosTemplários "

A história dos Templários é uma história ainda hoje povoada de enigmas e mistérios.
È uma história feita de vazios que cada um preenche como quer. As interrogações não faltam. Como enriqueceram tão rapidamente? Porque razão permaneceram durante tanto tempo, intocáveis perante a hierarquia da Igreja? Por que caíram em desgraça tão rapidamente? E finalmente onde está o seu lendário tesouro e não menos lendários segredos? Nas ilhas Britânicas, ou em Portugal, para onde, depois de perseguidos por todo o lado, foram empurrados e encontraram os derradeiros refúgios?
Sabe-se contudo, que a sua fulgurante ascensão acabou em tragédia. No inicio eram apenas uma ordem religiosa constituída por cavaleiros – monges, cristãos, que tinham como objectivo proteger os romeiros que demandavam a terra santa.
Aí, e para esse fim, foi criada em Jerusalém no ano de 1118 a “Ordem dos Cavaleiros do Templo”.
 
Com a conquista de Jerusalém durante as cruzadas ter - se- iam ,segundo alguns historiadores, apoderado nas catacumbas do antigo templo do rei Salomão de documentos que punham em causa os dogmas em que assentava a doutrina papal.
A chantagem de imediato exercida terá sido tão bem sucedida que de pobre ordem militar, os Templários passaram rapidamente a assumir-se como uma das mais ricas e poderosas instituições religiosas do seu tempo.
Outros, no entanto, atribuem o seu súbito poder às terras tomadas ao inimigo, ás dádivas dos peregrinos a quem tinham oferecido protecção e aos bens que deles herdavam por gratidão e pela “ remissão dos pecados”.
 Seja como for esse poder não parou de crescer.Os Templários eram agora uma verdadeira ameaça não só para a Igreja mas também para o poder temporal. Pelo menos foi o que pensou Filipe “O Belo”, o ambicioso rei dos Francos que de armadilha em armadilha de calúnia em calúnia, de tortura em tortura os condenou à morte. Curiosamente com a bênção da igreja que os excomungou e perseguiu por todo o mundo cristão.
 O massacre dos templários deu-se em  França , no dia 13 ,a uma sexta feira do ano de 1307. Esse foi de facto para os Templários um mau dia. Nascia assim o dia de todos os azares.
E ainda hoje, sempre que é sexta-feira 13, acreditamos que assim será…